Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Certificados de Extensão > Notícias > 20 de novembro: Dia da Consciência Negra
Início do conteúdo da página

20 de novembro: Dia da Consciência Negra

Publicado: Sexta, 19 de Novembro de 2021, 23h59 | Última atualização em Sexta, 03 de Dezembro de 2021, 17h52 | Acessos: 915
imagem sem descrição.

No dia 10 de novembro de 2011, a então presidenta da República Dilma Rousseff, sancionou a lei nº 12.519 que institui o dia 20 de novembro como a data de comemoração ao Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra. A data foi escolhida em homenagem a Zumbi, grande líder do Quilombo dos Palmares, morto em uma emboscada no dia 20 de novembro de 1695.

Palmares, assim como os demais quilombos, foram símbolos da resistência negra ao sistema escravista que perdurou por mais de 350 anos no Brasil. Zumbi lutou e liderou seu povo contra esse regime que retirou a liberdade de milhares de negros, muitos deles, sequestrados da África e a outros atribuída a condição de escravo ao nascer em terras brasileiras.

Embora a lei que institui essa data esteja em vigor desde 2011, o dia 20 de novembro era comemorado pelo Grupo Palmares, do Rio Grande do Sul, desde 1971. Tal grupo era composto por 12 negros que questionavam a legitimidade do dia 13 de maio, data em que houve a abolição da escravatura devido às pressões internas e externas, contudo sem nenhum plano de reparação pelos séculos de escravidão ao qual os negros foram submetidos.

20 de novembro é uma data em que se levanta o debate sobre a luta contra a discriminação e preconceito racial que os afrodescendentes são submetidos no Brasil. Todos os dias deveriam ser 20 de novembro.

 

#20denovembro #consciêncianegra #ifsp

Fim do conteúdo da página